Archive for outubro \30\UTC 2008

h1

siblings

outubro 30, 2008

hoje é aniversário da minha mana. ontem, andando de carro, eu pensava como é bom ter os irmãos que eu tenho. como eles são pessoas maravilhosas e os melhores amigos que alguém pode querer.

aí, rapidamente, me veio aquela certeza confortante: pode passar o tempo que for, acontecer o que quer que aconteça, mas sempre que olho pra trás, eu os vejo lá comigo; e quando olho pra frente, eles continuam lá. amo vocês.

parabéns, cacazinha!

be nice to your siblings. they are your best link to your past and the people most likely to stick with you in the future.

h1

japa loira em tempos de eleição

outubro 24, 2008

– Mamãe, não dá mais pra votar no Fulano.
– É? Por quê?
– Porque ele prometeu uma coisa e não cumpriu.
– Ah é? E onde tu viste isso?
– Na TV, oras.

E foi nesse momento em que Elisa, aos 5 anos, mudou seu voto para a candidata da oposição.

h1

senhor elpídio

outubro 22, 2008

Tinha um velhinho muito simpático na portaria do prédio da minha médica. Ele estava sempre de bom humor e era muito atencioso com todo mundo. Eu simpatizava com ele, o sr. Elpídio. Aliás, ele parecia o Luís Roberto Ponte negro. Tempos atrás, entrei no elevador e tinham vários cartazes de felicitações pelo aniversário de quase 90 anos daquele senhor. Eram mensagens tão carinhosas, que ficou claro como ele era querido por todos ali no prédio. Eu achei fofo.

Hoje, fui lá de novo. Entrei no prédio e estranhei a ausência dele. E, quando entrei no elevador, me deparei com uma mensagem de despedida, assinada por várias pessoas: “Sr. Elpídio, espero que te recebam lá no céu com o mesmo sorriso que o senhor recebia todos que passavam por aqui. Vamos sentir saudades”.

Achei bonito. E, sim, já sinto falta da simpatia do Sr. Elpídio.

h1

almeno credo

outubro 6, 2008

Eu sou uma japa paraguaia, diz um amigo meu. Eu discordo: sou japa italiana. Aliás, sou mais italiana do que japa, embora meus olhos digam outra coisa. A verdade é que tudo na Itália me fascina. Roma é o lugar mais lindo que já conheci e dificilmente uma outra cidade no mundo vá superá-la. Pelo menos no meu coração. Duvido que eu vá sentir a mesma emoção em outro lugar.

Enfim, o post é só pra dizer que tudo que me remete à Itália me deixa feliz. Desde o prosciutto crudo até o Raul Bouva. Luca Toni e Totti também, sejamos justas. Sem falar na música italiana, que eu adoro. Dia desses, fiquei feliz só por iniciar minha manhã ouvindo ‘Almeno Credo’. Luciano Ligabue cantava direto da Arena di Verona (tem fotos no meu picasa). Tinha me esquecido de como eu gosto desta música.